Notícias
ECONOMIA
Secretaria de Trânsito trabalha na recuperação de placas


Publicado: 10/11/2017 ás 11:50:00
Autor: Julia Munhoz
Fonte: Assessoria da Prefeitura
Foto Por: Maurício Vitorino

A Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (SMTU) tem trabalhado com a recuperação de placas de trânsito. A perspectiva é de que aproximadamente duas mil placas sejam recuperadas, o que pode acarretar em uma economia de até 50%, se comparado à aquisição de novas. Os trabalhos são desenvolvidos pelos servidores da própria secretaria.

Conforme levantamento feito pela pasta, uma placa restaurada que recebe pintura nova e faixa refletiva custa, em média, R$ 70,00. para a aquisição de uma nova, através de procedimento licitatório, pode chegar a um custo de até R$ 300, por exemplo.

“Esse custo varia muito porque algumas placas vem com o poste de madeira e outras com o tubo galvanizado, sendo que esse valor não podemos aplicar a todas e a economia é na placa e não no poste. A própria equipe da secretaria está recolhendo as placas que estavam jogadas, lixando, pintando e serão recolocados os adesivos refletivos. Com isso, teremos uma economia de pelo menos 50% por placa. Se fosse para adquirir essas placas ficaria bem mais caro”, explicou o secretário de Trânsito, Mauro Garcia.

Além da parte das placas, a secretaria tem trabalhado para gerar economia na aquisição dos postes. Isso porque já foi dado início as tratativas de uma possível parceria com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) através da doação da madeira.

“Para não jogar fora essas placas e fazer a economia com o dinheiro público resolvemos aplicar essa restauração. Com isso, daremos prioridade na contenção de gastos e ainda preservaremos o meio ambiente. São as placas de sinalização mais básicas. Vamos tentar uma parceria com o IBAMA para receber através de doação madeira apreendida. Se isso ocorrer, os custos com essas placas devem diminuir ainda mais”, concluiu o secretário.