Notícias
Aeroporto Municipal
Equipe do ICA faz levantamentos no aeroporto de Sinop


Publicado: 06/10/2017 ás 08:36:00
Autor: Julia Munhoz
Fonte: Assessoria da Prefeitura
Foto Por: Maurício Vitorino

Uma equipe composta de seis integrantes do Instituto de Cartografia Aeronáutica (ICA), subordinado ao Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), realiza, desde o início da semana, os trabalhos técnicos referentes à confecção dos dados para uma ficha informativa do PAPI (Precision Approac Path Indicator) e locação dos obstáculos para confecção das cartas de procedimento de navegação aérea RNAV.

Essa é mais uma das várias etapas, nas quais a Prefeitura Municipal tem trabalhado em conjunto com a União das Entidades de Sinop (Unesin), para melhorias no Aeroporto Municipal Presidente João Batista de Figueiredo. “São várias etapas que são concluídas e essa é mais uma. Os trabalhos continuam em uma força tarefa junto com a Unesin, com os vereadores e a população, para que a gente consiga o mais rápido possível que nosso aeroporto opere por instrumentos”, destacou a prefeita Rosana Martinelli (PR).

Segundo o sargento Cleber, representante do ICA, os trabalhos de campo são um levantamento para homologação do auxílio de pouso por não precisão visual, que é o PAPI. “Metade da equipe está no campo trabalhando e posterior a isso será o trabalho de escritório. Faremos os cálculos para amarrações com dados do IBGE e enviaremos esses dados para o Grupo de Inspeção em Voo, que também pertence ao DECEA e esses dados serão agendados para um voo de homologação”, explicou o sargento.

Sobre o RNAV o tenente Fartura, também do ICA, esclareceu que nessa etapa foi verificada alocação dos obstáculos para confecção das cartas de procedimento de navegação aérea, que são cartas de navegação por satélite. “Nós fizemos o levantamento do nivelamento de pista, dados de coordenada de cabeceira e levantamento de obstáculos para a elaboração de cartas IFR, inclusive cartas de procedimento RNAV. Quando tivermos uma condição climática piorada esse tipo de procedimento permite que a aeronave pouse”, pontuou o tenente.

A Prefeitura, bem como a Unesin, têm acompanhado os processos em andamento no Cindacta IV, em Manaus, na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e no Departamento de Controle do espaço Aéreo (DECEA), no Rio de Janeiro. Eles tramitam de forma paralela em cada órgão.

“Nós temos vivenciado cada etapa e, neste momento, estamos com essa equipe do DECEA fazendo essa nova avaliação e falando das nossas cartas e também estamos temos os trabalhos com adequação da TPS, do pátio. São projetos que estão sendo elaborados e também são outras fases e outros procedimentos necessários”, pontuou a secretária de Planejamento, Finanças e Orçamento, Ivete Mallmann.

Os trabalhos em prol do aeroporto de Sinop são técnicos e acompanhados pelos representantes da Unesin. “Desde o início, quando as entidades vieram fazer parte com a administração do aeroporto, nós levantamos todo diagnóstico, todo o passo a passo e cronograma. Então estamos vencendo cada etapa. Essa era mais uma que estava pendente, que é a questão do PAPI e também do RNAV. A gente acredita que no máximo até o final do ano já estejamos com o IFR instalado”, ponderou Waldomir Teodoro, que é um dos integrantes da comissão formada pelas entidades.